18 de Setembro - dia de sensibilização para o cancro da vulva

Foi anunciado no passado dia 18 de Setembro, durante o XXV Congresso Mundial da ISSVD (International Society for the Study of Vulvovaginal Disease) o dia de sensibilização para o cancro da vulva.

Este cancro ocorre por duas vias: 1) uma dependente do HPV (habitualmente em mulheres mais jovens, fumadoras, imunodeprimidas e, frequentemente, com história de outras lesões associadas a este vírus); 2) a outra, em mulheres com dermatoses inflamatórias (líquen plano e, principalmente, líquen escleroso). Os cancros da vulva são precedidos de lesões pré-invasoras (lesão intraepitelial de alto grau vulvar e neoplasia vulvar intraepitelial diferenciada, respectivamente), que se podem ser identificadas e tratadas atempadamente, de modo a evitar a sua progressão.

Nos últimos anos não tem havido diminuição no número de casos diagnosticados de cancro da vulva, nem têm sido identificados em estádios mais iniciais.

O tratamento destes cancros é, frequentemente, altamente mutilador e associado a significativo sofrimento.

As vacinas contra o HPV levarão, dentro de algumas décadas, ao desaparecimento da maioria das lesões relacionadas com esse vírus, contudo, não terão impacto nas relacionadas com líquen escleroso ou plano.

É fundamental que seja feito o diagnóstico destas entidades e que haja vigilância regular destas mulheres! Mulheres com prurido vulvar crónico devem ser observadas por médico com experiência em Patologia Vulvar! O diagnóstico e tratamento adequado fazem a diferença! 

Vulvar Cancer Awareness Day - ISSVD World Congress, Turim - Itália
Vulvar Cancer Awareness Day

Featured Posts
Recent Posts